Fonte: OpenWeather

    Ataque


    EUA: homem baleado na casa branca planejava ataque

    Myron Berryman tem 51 anos e foi atingindo no peito por um agente secreto americano

    O homem estava prestes a atirar quando o agente disparou, o atingindo na região do peito | Foto: Divulgação

    Um homem foi baleado por um agente do Serviço Secreto ao lado de fora da Casa Branca, em Washington DC, Estados Unidos, na segunda-feira (10). No momento do tiro, Donald Trump estava em uma coletiva de imprensa e foi retirado às pressas.

    De acordo com o jornal Washington Post, Myron Berryman, de 51 anos, estava armado e pretendia atacar a Casa Branca. Segundo informações do veículo, o homem gritou: "eu vou matar, vou atirar em vocês".

    Thomas Sullivan, chefe da Divisão Uniforme do Serviço Secreto, afirma que o suspeito correu em direção ao policial e tirou um objeto da roupa que usava. O homem estava prestes a atirar quando o agente disparou, o atingindo na região do peito.

    O presidente americano voltou minutos depois e elogiou o Serviço Secreto e a segurança da Casa Branca. "Me sinto muito seguro com o Serviço Secreto, eles são pessoas fantásticas. São os melhores dos melhores, são muito bem treinados. Eles só queriam que eu me retirasse por um momento para garantir que tudo estava bem do lado de fora", afirmou.