Fonte: OpenWeather

    Violência


    Criança de 5 anos é morta com tiro na cabeça por facção; veja o vídeo

    A criança chegou a ser levada para o Pronto-Socorro do município, mas não resistiu. A morte causou comoção nas redes sociais com pedidos de Justiça pelo caso

     

    Ana Júlia Pantoja tinha apenas 5 anos
    Ana Júlia Pantoja tinha apenas 5 anos | Foto: Divulgação

    Uma criança identificada como Ana Júlia Pantoja, de 5 anos, morreu no fim da tarde de quarta-feira (15) após levar um tiro na cabeça . O crime aconteceu na região periférica conhecida como Baixada do Ambrósio, na Área Portuária de Santana, município a 17 quilômetros de Macapá.

    Vídeos de câmeras de segurança de casas vizinhas mostram o momento do disparo. Ela caminha sozinha na entrada de uma passarela quando recebe um tiro na cabeça e cai no chão, sem qualquer reação.

    O autor do disparo também é flagrado em uma das cenas, atirando de trás de um poste na direção do caminho por onde a menina seguia. Após o tiro, ele sai correndo. Um suspeito de ser o atirador foi preso na manhã desta quinta-feira (16) e disse que alvo era um homem.

    A criança chegou a ser levada para o Pronto-Socorro do município, mas não resistiu. A morte causou comoção nas redes sociais com pedidos de Justiça pelo caso.

    A origem do disparo é atribuída a um confronto entre facções criminosas da região, mas a informação não foi confirmada pela PM, que destinou equipes na área em busca do assassino.

    "O comando reitera que envidará todos os esforços necessários no sentido de localizar e prender o autor desse crime desumano. Neste momento de dor e sofrimento queremos externar nossos mais sinceros pêsames ante esta inestimável perda para todos os familiares e amigos", publicou, em nota, o 4º Batalhão da PM, que atende a cidade de Santana.

    Veja o vídeo 

    Capa do Vídeo
    | Autor: Divulgação
     

    Leia mais:

    Carro fuzilado de Romarinho Mec é levado para investigação em Manaus

    PMs recebem capacitação de atendimento a mulheres vítimas

    PM apreende adolescente com metralhadora caseira e munições em Manaus